DICAS 

Pedalar clipado aumenta a potência no pedal?

Compartilhe

A resposta para essa pergunta é sempre algo como “o pedal clipado transfere melhor a potência da pedalada para a bike”. Pois a real resposta para essa questão pode ser chocante e talvez algo que você não esperava.

Muitas pesquisas científicas já foram feitas mostrando que na realidade há pouca diferença entre a potência de pedalar com sapatilhas e sem sapatilhas. O pessoal da GMBN fez um teste controlado em laboratório  repetindo o método dessas pesquisas para demonstrar se os pedais clipados transmitem mais potência mesmo ou isso é somente uma crença que se popularizou:

(Se você não quiser assistir o vídeo todo por ele estar em inglês ou simplesmente por ser um pouco longo (9min) eu explico o resultado para vocês abaixo)

Foram realizados dois testes. O teste A buscava simular uma situação de intensidade moderada onde o ciclista pedalou em uma esteira primeiro com sapatilhas e depois sem elas em 2% de inclinação e a 27 km/h.

Já o teste B simulava uma situação de alta indensidade física, onde o ciclista pedalou na esteira primeiro sem sapatilha e depois com 8% de inclinação a 20 km/h.

Para comparar a utilização dos pedais clipados com a utilização de pedais comuns sem sapatilhas, os seguintes índices foram medidos:

  • Frequência cardíaca média
  • VO2 máximo
  • Nível de ácido lático no sangue

Os resultados não foram o que o pessoal da GMBN esperava – e para ser bem sincero, foi o que me motivou a escrever esse artigo aqui. Logo no teste A a coisa começou a ficar estranha. Os pedais clipados ficaram na frente por muito pouco. Quase empatados.

Como se isso não bastasse, no teste B, onde foi dado maior ênfase à questão da potência e força, os pedais plataforma foram mais eficientes em todos os critérios: A frequência cardíaca foi mais baixa, o consumo de oxigênio menor e houve menos concentração de ácido lático.

Por: Aventrilha

Veja também